O evento contou com discursos, homenagens aos preceptores e muita emoção por parte dos formandos.
Divulgação
O evento contou com discursos, homenagens aos preceptores e muita emoção por parte dos formandos.


Praia Grande realizou a formatura de mais 32 alunos dos Programas de Residência Médica e Multiprofissional em Medicina da Família e Comunidade. Essa é quarta turma da Residência Médica , com 9 formandos e a terceira turma da Multiprofissiona l, com outros 23 (entre odontologia, enfermagem, fisioterapia e psicologia). Desde o início dos Programas, já foram formados 28 médicos e 66 profissionais das quatro áreas.

Leia também

A solenidade aconteceu no Auditório Jornalista Roberto Marinho, no Bairro Mirim, e contou apenas com a presença dos formandos e autoridades, levando em conta todos os protocolos sanitários de combate à covid-19. Discursos, homenagens aos preceptores e muita emoção por parte dos formandos marcaram evento.

A formanda e oradora da turma, Agatha Sâmia Torres da Silva, resumiu a emoção de toda a turma por chegar ao fim de uma jornada intensa, que durou dois anos, dos quais quase um foi de uma grande crise mundial, causada pela pandemia do novo coronavirus. "Foram muitos desafios, muitas lições, em alguns momentos, desespero. Com a pandemia, tivemos que adaptar a rotina e aprender com novas práticas. Convivemos com muitas pessoas e hoje chegamos ao final dessa etapa como vencedores".

Você viu?

A prefeita de Praia Grande Raquel Chini, participou da solenidade e destacou a importância do acolhimento, da atenção real ao paciente. "Que nós possamos enxergar as pessoas como pessoas, com um olhar a gente abraça, com uma palavra, a gente salva. Sigo trabalhando intensamente para proporcionar o melhor para a saúde da Cidade", disse.

Para o secretário de Saúde Pública de Praia Grande, Cleber Suckow Nogueira, o momento é de reconhecimento de todo o trabalho realizado no Município. "A construção dos Programas de Residência se dá através de muito empenho e eu tenho certeza que estamos no caminho certo, os formandos são a prova disso, prova de que Praia Grande é referência em Saúde da Família e Comunidade, uma das poucas cidades que têm 100% de cobertura da população".

O coordenador do Programa de Residência Médica, Ernesto Dallaverde Junior, comentou sobre a importância da Saúde da Familia no combate à covid-19. "O nosso município enfrenta a covid-19 de maneira diferente, nossos resultados são superiores aos da maioria das cidades, muito disso se deve à Atenção Primária e, consequentemente, aos residentes que enfrentaram todo esse processo de pandemia".

Em março, novas turmas dos programas terão início, sendo 30 novos médicos na Residência Médica e 28 profissionais na Residência Multiprofissional.

Residência

Mesmo não tendo uma instituição de ensino nesta área, Praia Grande está habilitada pelo Ministério da Educação (MEC) e da Saúde (MS), por ser referência em Medicina da Família e Comunidade e a única da Baixada Santista a ter 100% de cobertura da população nessa especialidade. Os cursos têm a duração de dois anos e conta com atividades teóricas e práticas nas Usafas-escola (Unidades de Saúde da Família).

Saúde da Família

O setor de Atenção Básica de Praia Grande dispõe de 30 Usafas (Unidades de Saúde da Família). As ótimas condições estruturais propiciam para os pacientes e profissionais confortáveis acomodações e estrutura. A Cidade tem 110 equipes do Programa Saúde da Família.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários