A Secretaria de Habitação (Sehab) da Prefeitura de Praia Grande solicitou junto ao Governo do Estado de São Paulo a adesão ao programa ‘Viver Melhor’ . A iniciativa, lançada em agosto, busca oferecer melhorias em moradias localizadas em núcleos habitacionais . Fatores como acessibilidade e salubridade são levados em conta para beneficiar as pessoas que residem nesses locais.

Leia também

Na prática, o Viver Melhor vai identificar os imóveis que estão em condições precárias. Serviços como troca de telhado, revestimento, ampliação de cômodo como quarto para melhor conforto dos moradores serão disponibilizados, além de ações nas partes hidráulicas e elétricas. Tudo sem custos para as famílias.

A previsão do Estado é de aplicar até R$ 15 mil em reparos por unidade habitacional. A operação do programa está sob responsabilidade da Secretaria de Habitação estadual. Para o biênio 2021/2022 devem ser beneficiadas, nesta primeira etapa, cerca de 4,5 mil domicílios, com investimento de R$ 90 milhões.

“Praia Grande trabalha para concluir a adesão ao programa. Na Cidade, a Sehab adotará alguns critérios na seleção, como, por exemplo, renda familiar de até 5 salários mínimos. A escolha dos imóveis será através de visita técnica aos núcleos. Importante explicar que o programa ocorre em paralelo com as ações de regularização fundiária”, comentou o secretário de Habitação praia-grandense, Anderson Mendes.

O titular da Sehab destacou ainda que melhorar a qualidade de vida das famílias que residem nesses núcleos é diretriz que já vem sendo colocada em prática pela Administração Municipal. “Através destas obras ligadas a estrutura física dessas moradias será possível proporcionar mais saúde, segurança e alegria para as pessoas”, disse.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários