Praia Grande contará com um esquema especial de segurança durante o feriado prolongado em comemoração à Padroeira do Brasil . Esta semana, uma reunião foi realizada entre os representantes da área de Segurança Pública da Cidade para acertar os detalhes das ações.

Leia também

Estão previstas forças-tarefas entre as equipes da Guarda Civil Municipal (GCM), Polícia Militar e Polícia Civil, além de outras secretarias municipais como Urbanismo (Seurb) e Trânsito (Setran). O objetivo é atuar em várias frentes, como perturbação do sossego, infrações de trânsito, descumprimento às regras de prevenção à Covid-19 (principalmente uso de máscara e aglomerações) e eventuais delitos como furtos e roubos.

De acordo com o secretário de Assuntos de Segurança Pública, Maurício Vieira Izumi, a GCM, por exemplo, estará com todo seu efetivo nas ruas. “Além disso, há a previsão de apoio de equipes de batalhões especializados da Polícia Polícia Militar, vindos da Capital”. O efetivo total da GCM é de cerca de 400 integrantes.

Leia Também

Câmeras - Vale observar que Praia Grande conta ainda com um importante recurso no combate à criminalidade: um sistema de monitoramento por câmeras que é referência na região, no Estado e até no País.

Atualmente, são 2.925 equipamentos instalados estrategicamente em vários pontos da Cidade e capazes de identificar placas de carros e até rostos. Pelo Centro Integrado de Comando e Ações Especiais (Cicoe) é possível monitorar todas as câmeras e acionar as equipes da GCM e da PM, de acordo com as demandas.

O Cicoe funciona 24 horas por dia, sete dias por semana, com operadores da GCM e também da Polícia Militar e Secretaria de Trânsito, além de contato direto com a Defesa Civil do Município. Um dos destaques do espaço fica por conta do videowall composto por 24 monitores de 55 polegadas de alta definição.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários