A Prefeitura de Praia Grande  reforçará junto ao Governo Federal a solicitação de inclusão da Cidade no Programa Casa Verde Amarela – Parcerias – com o objetivo de viabilizar a construção de mais 540 unidades. Em 2021, a Cidade entregou mais de 400 unidades habitacionais de interesse social.

Em outubro de 2021, Praia Grande solicitou ao Governo Federal a inclusão na Casa Verde Amarela – Parcerias. O Município, inclusive, já realiza o processo de licenciamento ambiental da área, localizada no Bairro Melvi, para futura implantação de conjuntos habitacionais.

No ano passado, a Secretaria de Habitação (Sehab) praia-grandense encaminhou documentação sobre o tema diretamente para o então ministro de Estado do Desenvolvimento Regional, Simonetti Marinho. O material continha dados detalhados da área e dos projetos arquitetônicos que já foram desenvolvidos pela Sehab.

De acordo com os projetos, as 540 unidades habitacionais que estão sendo pleiteadas por Praia Grande farão parte de três novos conjuntos: Imperador VII, VIII e IX. A disposição também está definida, em cada conjunto serão instalados 180 imóveis.

“Vamos reforçar a importância desta obra para área da Habitação em Praia Grande. A Cidade já está dando andamento nestes projetos e cumprindo com sua obrigação, que é destinar o terreno para a construção dos conjuntos. Praia Grande tem buscando todas as alternativas para reduzir seu déficit habitacional e melhorar a qualidade de vida das pessoas”, explicou o secretário de Habitação praia-grandense, Anderson Mendes.

Entregas – Somente em 2021, Praia Grande já entregou mais de 400 novas unidades habitacionais e, desta forma, transformou em realidade o sonho da conquista da casa própria de centenas de famílias praia-grandenses. No ano passado foram inaugurados os conjuntos Imperador III, IV, V e VI.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários